SUPER FM - A rádio que vive o vale

Disputa política/jurídica soluciona passarela, já o buraco na SC 408…

Juliano César  Juliano César      sexta-feira, 21 setembro 2018     

É claro que se tem o fator político, pois será que se fosse o governador do mesmo lado ele faria igual? Falo do prefeito de Nova Trento, Gian Francesco Voltolini (PP), que deu um verdadeiro peitaço contra o Governo do Estado, e entrou na Justiça sobre a passarela da Escola Francisco Mazzola, o que considera […]

É claro que se tem o fator político, pois será que se fosse o governador do mesmo lado ele faria igual? Falo do prefeito de Nova Trento, Gian Francesco Voltolini (PP), que deu um verdadeiro peitaço contra o Governo do Estado, e entrou na Justiça sobre a passarela da Escola Francisco Mazzola, o que considera um descaso.

E foi feliz, pois na quarta feira, 19, a juíza Alessandra Mayra da Silva de Oliveira, da 2ª vara da comarca de São João Batista, atendendo ao pedido feito pela Procuradoria Geral do Município de Nova Trento, deferiu medida liminar para que o Estado de Santa Catarina no prazo de até 05 (cinco) dias execute as obras/procedimentos emergenciais necessários para a sustentação e apoio da estrutura da passarela. A multa diária é de R$ 10 mil.

Independente de ser ou não governador do lado A ou B, o assunto da passarela foi resolvido. Méritos também ao vereador Tiago Dalsasso. O assunto gerou uma verdadeira corrida para resolver. Dalsasso foi mais feliz e chegou em primeiro.

Membros do Poder Executivo Municipal desdenharam da possibilidade das obras iniciarem em 15 dias. E iniciou bem antes, menos de uma semana pós-anúncio.

JÁ A RODOVIA SC 408…

Guardada as devidas proporções, será que, se o Poder Executivo de São João Batista tivesse feito o mesmo (via judicial), teria a Justiça obrigado o Governo do Estado a realizar as obras de recuperação da Rodovia SC 408 próximo ao distrito de Tigipió? Afinal, também há risco eminente de ocorrer acidentes, inclusive com gravidade.

A passarela de Nova Trento ganha solução. Já o buraco de São João Batista segue cada vez maior. Pois então!